28/03/2020
14:33:11
SinalTV - Canal MEO 500520
24-06-2014
Sociedade

UTAD atribuiu o título de Doutor Honoris Causa ao Comité Olímpico de Portugal

UTAD atribuiu o título de Doutor Honoris Causa ao Comité Olímpico de Portugal
A Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD) escreveu ontem uma das páginas mais notáveis da sua vida académica, ao atribuir o grau de Doutor Honoris Causa ao Comité Olímpico de Portugal (COP). 

Com esta distinção, a Universidade quis homenagear o Comité Olímpico pelos relevantes serviços prestados ao desporto e pela disseminação dos valores e ideais olímpicos na sociedade portuguesa.

A cerimónia decorreu na Aula Magna, cumprindo todo o ritual solene, e a ela assistiram autoridades políticas, desportivas e académicas, atletas olímpicos medalhados e antigos dirigentes, entre os numerosos convidados. O Reitor, António Fontainhas Fernandes, que abriu as intervenções protocolares, saudou o Comité Olímpico e todos os atletas medalhados que “passaram a estar ligados para sempre à história da UTAD”.
“Num tempo da rara exigência para a sociedade portuguesa, marcada por uma experiência difícil e reconhecidas dificuldades, importa sublinhar a atitude dos atletas olímpicos, o seu sacrifício, patriotismo e inabalável espírito de missão”, destacou Fontainhas Fernandes, lembrando que, em cenários como aquele que vivemos, é “importante reinventar as instituições, apontar soluções, ter uma visão de futuro, de abertura ao mundo, sustentada em valores fundamentais como os do olimpismo”. E invocou também “o paralelismo da cultura de exigência, do mérito e do esforço dos ideais do olimpismo com a forma elevada e sábia como esta Academia e todos os seus colaboradores têm contribuído para ultrapassar as dificuldades que surgem a cada momento”.

Falou de seguida, como padrinho institucional, o Secretário de Estado do Desporto e Juventude, Emídio Guerreiro que, às palavras de louvor para com o Comité Olímpico, juntou um público reconhecimento ao plano de orientação estratégica da UTAD como uma nova forma de pensar a Universidade em Portugal. 

Seguiu-se a intervenção do padrinho do doutorando Jorge Olímpio Bento, catedrático da Faculdade de Desporto da Universidade do Porto, que elogiou o papel do COP, bem como a figura do seu presidente, José Manuel Constantino, que representou a instituição neste ato. 

A sessão prosseguiu com a imposição das insígnias e entrega do diploma, tendo concluído com a intervenção de José Manuel Constantino, que encarou este ato académico como “um momento único na história do olimpismo português”. Através dele, - afirmou o presidente do COP, “a Universidade reconhece uma instituição que por feitos e obras realizadas há mais de um século emergiu de entre outras revelando características superiores que beneficiaram a sociedade. Simboliza que a Universidade olha o mudo à sua volta e traz para o seu seio protagonistas que pretende considerar como seus pares”.

Fonte: Gabinete de Comunicação e Imagem UTAD
  • UTAD atribuiu o título de Doutor Honoris Causa ao Comité Olímpico de Portugal

Outras notícias