28/05/2020
18:30:24
SinalTV - Canal MEO 500520
24-03-2020
Sociedade

REGIÃO: Ativado Plano Distrital de emergência e Proteção Civil

REGIÃO: Ativado Plano Distrital de emergência e Proteção Civil

Plano prevê garantir a unidade de direção e controlo, bem como uma adequada articulação e coordenação.

O Plano Distrital de Emergência de Proteção Civil de Vila Real foi ativado ontem, dia 23 de março, informou a Comissão Distrital de Proteção Civil.

A ativação do plano tem como objetivo “recolher e partilhar informação relevante, de todas as instituições envolvidas, sobre a pandemia de COVID-19 e a articular uma resposta conjunta, no âmbito do distrito de Vila Real”, pode ler-se em comunicado.

No mesmo documento pode ler-se que a decisão foi tomada por unanimidade em reunião por videoconferência.

Em declarações à agência Lusa, Fernando Queiroga Presidente da Comissão Distrital e também Presidente da Câmara de Boticas, afirmou que a ativação do plano prendeu-se com algumas preocupações “a coordenação com todos os organismos, porque há falta de informação dos vários órgãos”, a “falta de equipamento de proteção individual dos bombeiros e dos operacionais de saúde, bem como a falta de material nas Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS)”.

Segundo o autarca, a Comissão será “exigente” (…) “Não é cada um por si. Sabemos que há corpos de bombeiros e IPSS que estão em completa rotura, com falta de material”, frisou.

A chegada de emigrantes à região tem também preocupado a comissão que considerou que se está a atuar "tardiamente".

“Nós, câmaras municipais, estamos a fazer isso agora com os nossos presidentes de junta e estamos a reencaminhar a informação para o Centro Distrital de Operações de Socorro (CDOS) para ser reencaminhado para cada posto da GNR ou PSP, para irem confirmar que, quem chega ao território, tem de ficar em isolamento profilático”, referiu.

O isolamento profilático de 14 dias foi decretado pela ARS do Norte como obrigatório para os cidadãos que regressam do estrangeiro.

Fernando Queiroga relembrou ainda a preocupação de João Noronha, autarca de Ribeira de Pena relativamente aos trabalhadores das barragens do Alto Tâmega, assunto que será reportado ao Ministro da Administração Interna depois de João Noronha ter pedido a suspensão de trabalhos.

A Comissão Distrital passará a reunir-se pelo menos uma vez por semana, à quarta-feira para, e segundo o presidente da mesma, “realizar pontos de situação e coordenar com os vários organismos”.

A Comissão integra, entre outros elementos, o Comandante Operacional Distrital da Autoridade Nacional de Proteção Civil, responsáveis pelas forças e serviços de segurança existentes no distrito, bem como representantes da área da Saúde.

O estado de emergência foi decretado pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa na passada quinta-feira, mas o primeiro ministro António Costa já admitiu que o período de 15 dias poderá ser prolongado.

Sara Esteves

Outras notícias