20/10/2019
03:45:39
SinalTV - Canal MEO 500520
18-09-2017
Economia

Montalegre poderá vir a ter um «Call Center»

Montalegre poderá vir a ter um «Call Center»

Projeto de Call Center da Altice dará emprego a 150 pessoas.

A empresa Randstad esteve reunida com o presidente do concelho de Montalegre de forma avaliar a possibilidade de abertura de um serviço de apoio ao cliente na vila barrosã. A acontecer o projeto prevê a criação de 150 postos de trabalho, cujos interessados têm que dominar a língua francesa.

O recrutamento será feito até ao fim do ano, e assim que for dada «luz verde» o projeto entra em funcionamento em junho de 2018.

Orlando Alves, Presidente da Câmara de Montalegre ficou entusiasmado com a possibilidade de abertura de um Call Center na vila barrosã já que irá permitir a fixação de pessoas “é uma possibilidade que estamos a tentar agarrar com toda a força e com todo o entusiasmo. Quero agradecer publicamente esta oportunidade que está a ser preparada para o concelho de Montalegre porque é vital para a sustentabilidade e fixação de pessoas no território. Até ao Natal, vamos tentar conseguir uma "carteira" de 150 pessoas. Iremos fazer uma pesquisa no Barroso e em França, no sentido de encontrar pessoas que tenham domínio na língua francesa. Este será o principal problema que iremos ter. O resto é de materialização fácil porque o empenhamento da câmara é total. A materialização de todo o processo não estará condicionada a qualquer constrangimento orçamental. Está aqui uma oportunidade para pessoas  que estão emigradas e falam e escrevem muito bem o francês regressarem à sua terra. São oferecidas condições muito simpáticas, comparativamente até aos vencimentos do município. Este assunto já está a ser trabalhado há algum tempo. Temos vários locais em perspetiva para o funcionamento do espaço. Até dezembro estamos focados em conseguir as 150 pessoas para ocuparem os lugares necessários”.

Para Miguel Azevedo da empresa Randstad, a escolha pelo concelho de Montalegre prende-se com o facto de “haver um grande potencial de pessoas fluentes na língua. É um serviço de apoio ao cliente para uma operadora móvel do grupo Altice. Neste momento temos cerca de 1.400 pessoas a realizarem este serviço e há sempre margem de progressão. Tudo depende do número de pessoas que consigamos trazer para aqui. Nestas localidades há uma maior entrega ao trabalho. Têm sido apostas ganhas. O investimento da autarquia é apenas das instalações e depois avançamos com a parte informática. Há uma renda mensal que será paga por nós. O investimento está diretamente ligado ao número de pessoas e será feito pelo município”.

Redação com Gabinete de Imprensa CM Montalegre

Outras notícias