26/05/2020
13:42:22
SinalTV - Canal MEO 500520
23-05-2020
Sociedade

MONTALEGRE: Autarquia sugere visita à Barragem dos Pisões

MONTALEGRE: Autarquia sugere visita à Barragem dos Pisões

Concluída em 1964 com 15 mil homens a trabalhar, a barragem dos Pisões é um símbolo arquitetónico do concelho de Montalegre. Imponente, este produto do Estado Novo está erguido num pedaço de chão que atrai quem ama a natureza. À sua volta, mais de 30 quilómetros de orla onde sentimos cheiros que nos remetem para a infância. Um encanto que propomos para este retomar da vida plena.

Há uma mescla de seduções quando vamos ao encontro deste encanto do concelho de Montalegre. Um caminho onde purificamos o espírito por entre a beleza da urze e da carqueja. Um quadro idílico que obriga a parar. A estender a alma como se entende um lençol imaculado. Basta repousar o olhar. Os olhos cedo cedem ao belo, ao arrebatador. À volta, a imensidão de um espelho de água tranquilo. Que pede presença. Que espanta a escravatura do tempo. Aqui despimos o desassossego. Abraçamos os momentos que contam. Que ficam. Puxamos a memória e damos de caras com a meninice. Folheamos o melhor livro e paramos na página onde nos vemos a nós próprios.

PATRIMÓNIO NACIONAL

Pisões é sinónimo de água. Estendida por uma área superior a 2.000 hectares, com capacidade de 569 hm³ e com um volume morto (não utilizável) de 10,77 hm³, a barragem, alimentada pelo rio Rabagão, é atração para pescadores e para amantes da natureza. Um colosso de betão, projetado em 1958, que não deixa ninguém indiferente. Com efeito, falamos do primeiro investimento do género dotado com equipamento de bombagem (grupos ternários, turbina-alternador-bomba), destinado a elevar, para a sua albufeira, água da albufeira de Venda Nova, localizada imediatamente a jusante e que já estava em funcionamento desde 1951. Localizada na bacia hidrográfica do rio Cávado, é uma das oito barragens que constituem o sistema hidroelétrico Cávado-Rabagão-Homem. Este sistema é constituído pelas seguintes barragens: Alto Rabagão, Alto Cávado, Paradela, Venda Nova, Salamonde, Caniçada, Vilarinho das Furnas e Penide – situadas nos rios Cávado, Rabagão e Homem. As albufeiras que alimentam as centrais do sistema têm uma capacidade de armazenamento total de 1.121 hm3, dos quais 65% correspondem à albufeira dos Pisões. Tem 94 metros de altura. Apresenta um comprimento de cerca de 10 km e uma largura que varia entre os 2 e os 4 km.

Outras notícias