17/09/2019
13:22:11
SinalTV - Canal MEO 500520
04-02-2015
Desporto

Freamunde atira-se às arbitragens e pede igualdade de tratamento

Freamunde atira-se às arbitragens e pede igualdade de tratamento
A Administração do Freamunde emitiu um comunicado a criticar a arbitragem de Cosme Machado no jogo com o Académico de Viseu (derrota por 1-3), apelando à Federação Portuguesa de Futebol e à Liga de Clubes para que seja tratada com honestidade, rigor e competência.
Eis o comunicado:

«O futebol profissional é uma actividade que movimenta milhões de euros, gerando e suportando centenas de postos de trabalho. Daí que não seja admissível que haja influência grosseira de arbitragem nos resultados desta actividade e, pior, que os árbitros que cometem erros que influenciam resultados não estejam sujeitos a qualquer tipo de penalização ou responsabilização em função dos danos – desportivos e consequentemente económicos – que provocam.

Pelo contrário. Quem chega a árbitro da primeira categoria – espaço supostamente reservado aos melhores – passa a usufruir de um salário que supera largamente o ordenado médio de um cidadão português e passa a beneficiar também de um conjunto alargado de privilégios, sem que esta seja a sua principal actividade.
No momento em que a Federação Portuguesa de Futebol fez e faz um esforço enorme para dar as melhores condições para que estes exerçam a sua atividade, aliás esforço reconhecido por todos os agentes desportivos e que aqui louvamos.
A FREAMUNDE, SAD não espera outra postura de Todos os agentes desportivos senão que ajam com rigor, coerência, honestidade e responsabilidade.
Queremos ser um projeto de profissionais sérios, cumpridores com todos,- jogadores, colaboradores, fornecedores e com todas as instâncias do futebol português, mas não podemos deixar de lamentar o que se passou, no dia de ontem, no jogo entre o SC Freamunde e o AC Viseu.
É unânime na critica, hoje em todos os jornais da especialidade, o relatado ontem no jogo, pelo que não individualizaremos ninguém, mas estaremos, atentos, no futuro, a situações que possam prejudicar desportivamente o Freamunde e em consequência o investimento efetuado em Portugal.
A atual administração da SC Freamunde, SAD fez um esforço para cumprir financeiramente com os ordenados de jogadores, colaboradores que dependem dos salários para viver e para com esses teremos sempre o nosso maior respeito.
Assim, já solicitamos à Federação Portuguesa de Futebol e à Liga Portuguesa de Futebol Profissional que constatem e analisem todas as injustiças de que o FREAMUNDE tem sido alvo, especialmente, ao longo destas últimas jornadas.
O que se pretende é justiça e que o Freamunde seja tratado como todas as equipas que competem nos campeonatos profissionais como verdadeiros profissionais, mas acima de tudo que seja tratado com honestidade, rigor e competência, valores que este projeto quer traduzir no dia a dia de trabalho.
Após os acontecimentos das últimas duas jornadas, torna-se complicado aceitarmos de ânimo leve e sem qualquer justificação situações de más decisões.
Estamos esperançados, que todos os agentes envolvidos na “indústria do futebol” percebam que só com rigor, profissionalismo e integridade, os melhores singrarão, e quem ganha será o futebol português

Freamunde, 2 de Fevereiro de 2015»

Fonte: A Bola

Outras notícias