20/06/2019
07:32:01
SinalTV - Canal MEO 500520
14-10-2015
Sociedade

Comissão Europeia atribui prémio de melhor projeto europeu à EuroCidade Chaves-Verín

Comissão Europeia atribui prémio de melhor projeto europeu à EuroCidade Chaves-Verín

Autarcas de Chaves e Verín recebem prémio em Bruxelas.

O projeto de cooperação transfronteiriça “Eurocidade Chaves-Verín” foi galardoado como o melhor projeto da União Europeia nos prémios RegioStars 2015, na categoria CityStars. Uma iniciativa organizada pela Comissão Europeia que, desde 2008, tem vindo a distinguir os projetos mais inovadores e inspiradores da Europa, financiados por fundos da política de coesão da UE.  

Os Presidentes da Eurocidade, António Cabeleira (Chaves) e Gerardo Seoane (Verín), acompanhados pelos responsáveis técnicos do projeto, Agostinho Pizarro e Pablo Rivera, juntamente com o Director General de Fondos Comunitarios del Ministerio de Hacienda y Adminsitraciones Públicas, José Maria Piñero Campos, receberam na tarde de ontem (13 de outubro), na Cerimónia de Entrega dos Prémios RegioStars 2015, em Bruxelas, o prémio entregue pela Comissária Europeia para a Política Regional e Urbana, Corina Crețu.  

Este galardão posiciona a Eurocidade Chaves-Verín como a melhor experiência de cooperação e integração europeia das existentes na Europa. Durante a cerimónia, os autarcas destacaram o trabalho constante realizado em cooperação desde o Agrupamento Europeu de Cooperação Territorial Eurocidade Chaves-Verín, de primordial importância para a obtenção deste prémio. Por último, dirigindo-se a mais de 1000 pessoas presentes no palácio das artes da capital da Europa asseguraram que “graças ao apoio financeiro da EU, a Eurocidade Chaves-Verin continuará a construir a Europa desde la fronteira”

Na avaliação da candidatura da “Eurocidade Chaves-Verín”, projeto cofinanciado pelo POCTEP 2007/2013 em cerca de 1,4 milhões de euros, o júri realçou o impacto positivo da colaboração entre as duas localidades, tanto a nível institucional, como económico, social, cultural e ambiental. Além dos objetivos conseguidos na implementação de estruturas de cooperação e considerando importante o desenvolvimento conjunto nas áreas de juventude, eventos culturais, comércio, desporto, lazer, turismo e empreendimento.

A Eurocidade competiu, na fase final, com outras cinco iniciativas finalistas da Suécia, França, Espanha e uma experiência de cooperação entre cidades fronteiriças da Suécia e Noruega. Foi selecionada por um júri independente, presidido pelo deputado do Parlamento Europeu Lambert van Nistelrooij, de entre as 143 candidaturas apresentadas, obtendo a melhor pontuação em quatro critérios fundamentais: inovação, impacto, sustentabilidade e colaboração.  

  • Comissão Europeia atribui prémio de melhor projeto europeu à EuroCidade Chaves-Verín

Outras notícias